Atendimento Especial

PESSOAS COM DEFICIÊNCIA, pessoas com idade igual ou superior a 60 anos, gestantes, lactantes, pessoas acompanhadas por criança de colo, pessoas com mobilidade reduzida ou qualquer pessoa que, por alguma condição específica, tenha limitação na sua autonomia. Como passageiro, essa pessoa tem direito a atendimento especial.

DEVERES – No momento da venda da passagem, a empresa aérea deve perguntar sobre a necessidade de atendimento especial e o passageiro também tem o dever de informar à empresa aérea sobre suas necessidades.

ATENDIMENTO PREFERENCIAL - Esse público também tem direito a atendimento preferencial no check-in e no embarque. O desembarque é feito por último, exceto nos casos em que o tempo disponível para a conexão ou outro motivo justifique a priorização (bengalas, muletas, andadores etc são autorizadas).

ACOMPANHANTES - Nos casos em que a condição do passageiro exigir a presença de um acompanhante, a solicitação deve ser feita com 72 horas e a cia aérea deve prover acompanhante, sem cobrança adicional (Passageiro com Necessidade de Atendimento Especial terá direito a um acento com passagem 20% do valor do bilhete aéreo adquirido pelo passageiro especial).